Busca
Data  / 
Nome
GLOSSÁRIO
Bênção
Confirmação
Cristo
Deus
Dogma
Graça
Papa
Pecado

  IMACULADA CONCEIÇÃO DE NOSSA SENHORA

O dogma da Imaculada Conceição de Maria é um dos mais queridos ao coração do povo cristão.

O dogma foi definido em 1854 pelo papa Pio IX, através da bula Ineffabilis Deus, mas antes disso a devoção popular à Imaculada Conceição de Maria já era extensa.

A festa já existia no oriente e na Itália meridional (dominada pelos bizantinos) desde o século VII e foi incluída no calendário romano em 1476. Em 1570 foi confirmada e formalizada pelo papa Pio V, na publicação do novo ofício e, finalmente, clemente XI tornou-a obrigatória a toda a cristandade.

Quatro anos mais tarde, as aparições de Lourdes foram a prodigiosa confirmação do dogma. De fato, Maria proclamou-se explicitamente com a prova de incontáveis milagres: "Eu sou a Imaculada Conceição". Deus quis preparar ao seu Filho uma digna habitação.

Cheia de graça, ainda no seio materno, Maria foi concebida sem a mancha do orgulho e do desamor que é o pecado. Em vista disso, a Imaculada Conceição foi a primeira a receber a plenitude da bênção de Deus que se manifestou na morte e na ressurreição de Cristo.

(© 1997-2002 Direitos reservados Pia Sociedade Filhas de São Paulo - www.paulinas.org.br)

  
  
webmaster@santamissa.com.br - direitos - responsabilidades
Todas as partes da celebração comentadas em detalhe. Preces para dar graças e para pedir a luz divina. Exemplos de vida cristã. Pérolas da sabedoria do Rei Salomão. Artigos e comentários atuais. Calcula as festas e datas móveis para qualquer dia e ano. Definição de termos usados no site.
A Missa diária para seu conforto espiritual.